quinta-feira, 22 de abril de 2010

Música Discutida - Enjoy The Silence

Por Jack Fey

Faz muito tempo que eu não posto nesta seção. Porém é muito grande o número de covers desta maravilhosa música, compposta originalmente pelo Depeche Mode. Pretendo discutir a letra com vocês e posteriormente, listar alguns covers que gosto. Inclusive há um cover que eu até prefiro à versão original.

Ouçam primeiro a versão original!



Agora vamos à letra em inglês!

Depeche Mode - Enjoy The Silence

Words like violence
Break the silence
Come crashing in Into my little world
Painful to me

Pierce right through me

Can't you understand
Oh my little girl

All I ever wanted

All I ever needed
Is here in my arms

Words are very
Unnecessary
They can only do harm


Vows are spoken

To be broken

Feelings are intense

Words are trivial
Pleasures remain

So does the pain

Words are meaningless And forgettable

All I ever wanted
All I ever needed Is here in my arms
Words are very
Unnecessary
They can only do harm

All I ever wanted
All I ever needed
Is here in my arms
Words are very Unnecessary
They can only do harm
All I ever wanted
All I ever needed Is here in my arms
Words are very Unnecessary They can only do harm
Enjoy the silence...


Agora à Tradução!

Depeche Mode - Aprecie o Silêncio

Palavras como violência

Quebram o silêncio
Vem destruindo
O meu mundinho
Doloroso para mim
Perfura através de mim
Você não consegue entender

Oh, minha garotinha


Tudo o que eu sempre quis

Tudo o que eu sempre precisei

Está aqui em meus braços
Palavras são bem Desnecessárias
Elas podem só machucar

Promessas são feitas
Para serem quebradas
Emoções são intensas

Palavras são insignificantes
Os prazeres ficam
E a dor também
Palavras são sem sentido

E são esquecíveis

Tudo o que eu sempre quis

Tudo o que eu sempre precisei

Está aqui em meus braços
Palavras são bem
Desnecessárias
Elas podem só machucar

Tudo o que eu sempre quis

Tudo o que eu sempre precisei
Está aqui em meus braços

Palavras são bem Desnecessárias
Elas podem só machucar

Tudo o que eu sempre quis
Tudo o que eu sempre precisei

Está aqui em meus braços

Palavras são bem
Desnecessárias
Elas podem só machucar
Aprecie o silêncio...


Agora vamos à discussão da letra!

Sem meios termos esta é uma bela melodia. É realmente uma música que mostra o poder das sensações. Algo intenso, tão maravilho e que descarta a necessidade de se expressar por palavras. Emoções ficam gravadas no seu interior, as palavras você esquece, isso se, você não se machucar com elas. Acredito que esta parte é nítida para todos.
Agora vem o momento em que eu posso divergir de alguns. O refão... Tudo o que eu sempre quis está aqui em meus braços... Acredito profundamente que é a pessoa amada pelo compositor. Ora, se esta em seus braços, basta apenas sentir o abraço que é uma sensação e é mais importante que dizer coisas que serão esquecíveis ao logo do tempo. É mais fácil se lembrar de um bom abraço, que de um eu te amo dito aleatoriamente.

Bom, é isso que penso que a letra transmite.

Vamos, então, à alguns covers desta música!


Libra

Um cantor do Rio de Janeiro, o qual eu e Magdalene, juntos, assistimos ao cover da música em uma apresentação feita pelo músico no Via Funchal, na abertura do show do Nightwish. Apreciem...



Lacuna Coil

Banda Italiana formada em Milão, no ano de 1994, também possui sua versão da música. Dica: Magdalene gosta de italiano. É uma versão bem feita e uma de minhas favoritas. Confira.



Keane

Banda Inglesa de Piano Rock, também marca presença nesta postagem.



HIM

Minha banda preferida também figura aqui. Penso ser bem pesada esta versão, já que Valo canta num tom mais próximo do grutural. Excelente versão. Se está a apenas a olhar os vídeos, digo para não perderem este de vista.



Tori Amos

Cantora, compositora e pianista Norte-Americana, aparece com sua versão em piano de "tirar o chapéu".



It Dies Today

Banda de Metalcore formada em Buffalo, Nova York. Uma versão com um vocal diferenciado mas muito legal.


Breaking Bejamin

Banda Americana de Rock Alternativo da Pensilvânia. Versão bastante atipica, mas sem perder a essência.



Anberlin

Esta é minha versão favorita. Assim que assisti o sexto episódio de Vampire Diaries, a música tocou e fui atrás do autor desta versão. É minha favorita e acredito que nenhuma se compara a ela.



Não encontrei um video que pudesse ser incorporado com a tal cena. Mas neste em meio às montagens, aparece Damon dançando com Vick que é a tal cena!



Acredito que fiz a lição de casa!

Fãs de Enjoy The Silence, espero que tenham gostado do coquetel, tem para todos os gostos.

Assim disse Jack Fey...

4 comentários:

The Darkest Star disse...

Algumas covers são bastante interessantes, mas não há como a original ;)

Depeche Mode Portugal

Magdalene de Pompadour disse...

Quanta versão hã?!
São boas, mas a original, tanto a mais antiga tanto a mais nova do depeche é mesmo ótima.
Uma boa música, daí o número de versões. Suponho.

PS: Sim, adoro italiano!
Ciao amici! ^^

Anônimo disse...

Amo demais essa música...
Ela me ajuda quando eu fico meio triste sabe?!
Amei a versão do The Vampire Diaries porque deu um tom mais dançante mesmo pra música, mas adivinha a minha versão preferida é a original... rsrsrsr embora eu tenha conhecida a música pelo Libra cantando...
Bom é isso... bjs

Lua disse...

Desculpe querido, mas, a melhor versão é do Entwine. http://www.youtube.com/watch?v=ZZJbYMtOyEY